Principais Notícias por Marlos Teixeira 

Resultado de imagem para botafogo escudo

Após emplacar pela primeira vez em 2018 três vitórias seguidas, o  Botafogo se reapresentou na tarde desta sexta-feira no Nilton Santos. E a motivação está em alta para enfrentar o Internacional neste domingo, às 17h (de Brasília), no Nilton Santos, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro.

E apesar de terem eliminado os ricos de rebaixamento,  os jogadores querem mais nesta reta final de campeonato. E por que não buscar uma vaga na Pré-Libertadores? Seis pontos atrás da zona de classificação e restando quatro rodadas, será que dá tempo? Para Brenner, o Botafogo pode sonhar:

– É difícil, mas a gente pode sonhar com o que quiser. Estamos com os pés no chão e sabemos dos objetivos que temos que alcançar. Agora é pensar na conquista dos três pontos – afirmou o centroavante em entrevista coletiva antes do treinamento.

Resultado de imagem para escudo do fluminense pequeno

Em entrevista coletiva na tarde desta sexta-feira, Paulo Angioni, diretor executivo de futebol, falou da situação do Fluminense. O dirigente confirmou a cobrança feita pelo grupo de jogadores, em especial o atacante Marcos Júnior, sobre o pagamento dos salários atrasados. Ele definiu o caso como legítimo.

- Não foi diferente do que já vivi no futebol. A cobrança pelos atrasos é legítima. Não foi cobrança calorosa, foi uma abordagem, ouvi, respeitei e continuo respeitando. Não posso criar um monstro em cima disso. Há um atraso e a solicitação de pagamento, a chateação normal. Envolve clubes, jogadores, funcionários. Eu fiz com que a direção também entendesse e pronto. É uma cobrança legítima - disse o dirigente.

Após a derrota para o Palmeiras, na quarta-feira, em São Paulo, pelo Brasileirão, Angioni foi conversar com o grupo de atletas ainda no vestiário da arena alviverde. E ouviu de Marcos Junior a cobrança. Atualmente, o elenco tem por receber dois meses CLT (setembro e outubro) e cinco de direitos de imagem. O valor total beira os R$ 9 milhões.

Sem vencer nas últimas quatro rodadas do Brasileirão, o Tricolor é o 12º colocado com 41 pontos, quatro a mais do que a zona de rebaixamento. As chances de queda para a Série B são de 3%. Angioni negou chance de demissão do técnico Marcelo Oliveira, que ainda disputa vaga na final da Sul-Americana. 





 


 












 







 



 




 


 










 

 



Resultado de imagem para logo flamengo


Éverton Ribeiro foi o escolhido para conceder entrevista coletiva no Ninho do Urubu, após o treino do Flamengo nesta sexta-feira. O camisa 7 rubro-negro não jogou a toalha em relação ao título do Campeonato Brasileiro - a distância para o líder Palmeiras é de sete pontos -, e pediu para o time focar em fazer o melhor nos jogos que restam.

- Distância considerável. Mas a gente acredita até o último momento. A gente quer continuar vencendo e encurtar essa distância para o líder. Temos que fazer nosso melhor para buscar enquanto tiver chance.

Éverton ainda falou sobre o desgaste - ele, ao lado de Renê, foi quem mais atuou pelo Flamengo no Brasileiro: 30 vezes - e respondeu sobre uma possível queda de rendimento.

- Final de temporada é assim, jogando com dores. Mas sempre querendo ajudar e fazer meu melhor. Dorival sempre me passa confiança e me motiva.

O Flamengo enfrenta o Sport na Ilha do Retiro, às 17h do próximo domingo. Depois, encara Grêmio (C), Cruzeiro (F) e Atlético-PR (C).

Resultado de imagem para escudo do vasco pequeno

Vasco e Corinthians protagonizam um confronto direto neste sábado, às 19h (de Brasília), na 35ª rodada do  Campeonato Brasileiro. Separados por um ponto e uma posição, as equipes se enfrentam na Arena Corinthians em clima de decisão, na luta pela permanência na Série A.

Na 13ª posição com 40 pontos, o Corinthians faz seu penúltimo jogo como mandante, onde ganhou a maioria dos seus pontos (31). Com o clube a apenas três pontos do Z-4, a comissão técnica vê essa partida como chave na luta para garantir a permanência na Série A. Para isso, será necessária uma melhora rápida: nos últimos dez jogos do campeonato, o Timão venceu apenas dois. E o clima é de forte pressão:  nesta sexta-feira, houve protesto da torcida no CT.

Na 14ª posição com 39 pontos, o Vasco quase chegou na rodada à frente do Corinthians, mas o gol de empate sofrido nos acréscimos no jogo diante do Atlético-PR, em São Januário, na última quarta, manteve o clube carioca abaixo do rival. Assim, a equipe entra na rodada a dois pontos do Z-4.

Ao todo, o Vasco terá 10 desfalques para a partida - entre eles, nomes importantes como Maxi López, Ramon e Martín Silva. Por outro lado, Yago Pikachu, artilheiro do time na temporada com 18 gols, volta após cumprir suspensão. A tendência é de que a base tática das últimas partidas seja mantida.

O Gigante da Colina deve ir à campo com: Fernando Miguel; Luiz Gustavo, Oswaldo Henríquez, Leandro Castan, Henrique; Raul, Andrey, Yago Pikachu, Kelvin, Thiago Galhardo; Andrés Ríos.